Não é novidade que no Brasil as pessoas abusam do sal: o consumo médio por pessoa é de 12 g por dia. Segundo as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde), o consumo diário de sal deve ficar em torno de 5 g, ou seja, o brasileiro consome mais do que o dobro do ideal.

Com base nisso, em 2011, o Ministério da Saúde entrou em acordo com a Associação Brasileira de Indústria de Alimentos, para que diminuísse o teor de sódio dos alimentos. Cerca de 30 categorias de itens entraram nesse acordo. Em 2017, um novo acordo foi firmado para diminuir o sódio de pães, bisnaguinhas e macarrões instantâneos.

O sódio é um mineral que pode ser encontrado, naturalmente, em grande parte dos alimentos, em alguns mais e em outros menos. Na cozinha ele é usado para realçar o sabor dos pratos na forma de sal, que é o cloreto de sódio. Já na indústria, além dessa função, também é utilizado para aumentar o tempo de prateleira dos produtos.

No organismo, o sódio tem papel fundamental na regulagem dos volumes de líquidos, nos impulsos nervosos e na contração muscular. Sendo assim, é um nutriente importantíssimo para o bom funcionamento do corpo. O problema acontecesse quando é consumido além do permitido, podendo trazer sérios riscos à saúde.

Controlar a quantidade de sal que ingerimos é o primeiro passo para evitar doenças, como a hipertensão. Para isso, é necessário saber como fazer escolhas alimentares mais saudáveis — e é sobre isso que vamos falar neste post!

Quer saber como diminuir o consumo de sódio e ter uma vida mais saudável? Então, continue lendo e descubra!

O que é o sódio e qual é a sua importância no organismo?

O sódio é um elemento de origem mineral que, na natureza, pode ser encontrado no sal marinho e nos seres vivos, como animais e plantas. Se ligado ao cloro, forma-se o cloreto de sódio. Ele também pode se unir a outros elementos para formar novas substâncias, como é o caso do carbonato de sódio, do iodeto de sódio e do nitrato de sódio.

Muito se fala nesse mineral e nas consequências do seu excesso na alimentação. Mas o que muita gente não sabe, é que ele tem funções essenciais para o corpo: o sódio é responsável por regular a água dentro e fora das células e manter a estabilidade da pressão sanguínea. Também faz parte dos impulsos nervosos e da contração muscular. Sendo assim, sem ele, os nervos e os músculos não funcionam corretamente.

Quais são os danos que o excesso de sódio pode causar?

Apesar de importante para o bom funcionamento do nosso corpo, quando é consumido além do necessário acontece um desequilíbrio no volume de líquidos. Com isso, pode haver o aumento da pressão arterial, o que é chamado de hipertensão.

Quando não tratada, a hipertensão causa:

  • aumento do coração, ocasionando sua falha;
  • aneurisma e acidente vascular cerebral (AVC);
  • estreitamento dos vasos renais, que pode levar à falência dos rins;
  • endurecimento das artérias, podendo levar ao infarto.

Além do aumento da pressão arterial, o consumo exagerado de sódio pode causar aumento do peso corporal (pelo inchaço da retenção hídrica), osteoporose (pelo aumento da excreção de cálcio pela urina) e problemas renais (pela concentração de minerais nos rins).

Qual é o teor de sódio dos alimentos?

Como falamos, todos os seres vivos têm sódio. No entanto, os vegetais têm menor concentração, e as frutas contêm menos ainda, sendo que, em algumas, é quase inexistente.

Os alimentos industrializados são conhecidos por terem alto teor de sódio. Além da finalidade de realçar o sabor, a indústria utiliza a substância como conservante tanto nos produtos salgados quanto nos doces. Nas bebidas açucaradas, como os refrigerantes, ele também é utilizado para dar mais sede, fazendo com que as pessoas consumam mais da bebida.

Apesar da má fama dos produtos industrializados em relação ao sódio, eles podem ser consumidos. Porém, é preciso tomar cuidado e ficar de olho nos rótulos! Afinal, muitos desses artigos não são saudáveis por outras questões, como o alto índice de gorduras e açúcares. Fazendo as escolhas certas, você consegue aliar a praticidade dos alimentos processados com uma alimentação balanceada.

Como fazer escolhas mais saudáveis?

Ter uma alimentação saudável e equilibrada é fundamental para o bem da nossa saúde. Ter os vegetais como base da dieta, além de todos os benefícios que conhecemos, ainda ajuda a diminuir o consumo de sódio, já que eles apresentam o menor teor dessa substância de todo os alimentos. Ademais, existem outras medidas que você pode tomar:

1. Retire o saleiro da mesa

Deixando o sal ao alcance durante as refeições, você corre o risco de acrescentá-lo no prato por impulsividade. Portanto, guarde os saleiros de casa.

2. Coloque menos sal na comida

Diminua gradativamente a quantidade de sal que coloca ao preparar os alimentos. Assim, você vai adaptando o seu paladar a não sentir falta do sal.

3. Use mais ervas e especiarias

Ao temperar a comida com mais ervas e especiarias, você dá sabor aos alimentos e diminui a quantidade de sal que coloca. Além disso, evite usar temperos prontos, pois eles também têm muito sal.

4. Troque o tipo de sal

No processamento do sal, perdem-se quase todos os minerais, restando apenas o cloreto de sódio. O sal rosa do Himalaia é o sal mais puro disponível e preserva seus minerais, que são mais de 80 tipos. Ele tem, ainda, menor teor de sódio se comparado ao tipo refinado.

5. Diminua o sódio dos alimentos

Descartando a água da conserva dos alimentos, como a azeitona, o milho enlatado e o palmito em conserva, você diminui a quantidade de sódio que vai ingerir. É interessante também, quando possível, colocá-los em uma peneira e passar água potável.

6. Leia os rótulos

Alguns produtos semelhantes podem ter o dobro de sódio em comparação um com o outro. Por isso, é importante ler com atenção os rótulos e dar preferência aos que têm menos quantidade.

Como vimos, o sódio é essencial para o organismo, mas, se usado em excesso, pode trazer prejuízos. Portanto, buscar o equilíbrio é a melhor solução e, para isso, devemos nos preocupar com o teor de sódio dos alimentos que ingerimos.

Ter uma alimentação mais saudável só trará benefícios, como ter um corpo funcional e mais disposição para as atividades do dia a dia. Por isso, faça boas escolhas alimentares e tenha mais saúde!

E aí, gostou deste post? Quer saber mais sobre vida e alimentação saudável? Então, siga as nossas redes sociais: estamos no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube!