Sabemos que o refrigerante causa inúmeros problemas em nosso organismo. Por afetar negativamente órgãos, naturalmente deixa muitas partes do corpo extremamente debilitadas, causando um envelhecimento precoce e diminuindo a expectativa de vida dos seus consumidores.

O jornal britânico “Daily Mail” reuniu dados alarmantes sobre as consequências geradas pelo consumo do produto. Separamos cinco motivos para que você fique distante dessa bebida que é muito mais perigosa do que imaginamos.

Aumenta o desejo por açúcar

Estimativas revelam que tomar apenas duas latas de bebidas açucaradas no mesmo dia pode alterar a percepção sobre o gosto doce, fazendo com que a pessoa tenha um desejo ainda maior de consumir açúcar, fator que nem precisa dizer o quão prejudicial é para a saúde.

Está ligada ao câncer

Estudos indicam que mulheres consumidoras de refrigerantes têm uma chance muito maior de desenvolver câncer de mama. Pesquisadores da universidade canadense de Quebec constataram que, quanto maior o consumo deste tipo de líquido, maior a densidade no seio (que é um conhecido fator de risco do câncer).

Prejudicam os ossos

Os refrigerantes de cola apresentam altos níveis de ácido fosfórico. Estudos americanos sugerem que o corpo se esforça naturalmente para manter os níveis de cálcio e fósforo equilibrados e quando há excesso do segundo, precisa haver uma correção para equilibrar.

Afetam estômago das crianças

Refrigerantes à base de cola ou limão são utilizados muitas vezes com a intenção de curar um estômago doente. Pelo menos é isso que crendices populares dizem. É um engano perigoso, que pode, inclusive, fazer mal para crianças com esse tipo de problema, pois o refrigerante atua como um alimentador das bactérias estomacais, já que elas gostam de doces.

Fonte: Terra