Atividades físicas são fundamentais para manter a boa forma e o funcionamento correto do organismo. Entretanto, pouco adianta uma prática regular de exercícios se ela não for acompanhada de uma alimentação equilibrada e balanceada.

A corrida está entre os exercícios mais praticados pelos atletas do dia a dia e, de fato, traz muitos benefícios aos praticantes. Mas será que você sabe o que comer depois de correr?

Os esforços aeróbicos e musculares exigidos durante o tempo de corrida trabalham nosso organismo de diversas formas. Portanto, estar atento à alimentação é primordial para conter o desgaste do corpo e equilibrar o gasto de energia.

Quando se fala em alimentação após a corrida, a palavra-chave é reposição. Veja abaixo o que é preciso devolver ao organismo depois dessa atividade e os principais alimentos que podem ajudá-lo nisso!

Reponha os líquidos

Suou a camisa? Ótimo! Então é hora de repor toda a água e os sais minerais que você perdeu durante sua atividade física. Para isso, você deve ingerir uma boa quantidade de água ou bebidas que também contenham sais minerais, como a água de coco ou o suco de uva integral.

Algumas frutas como melancia, melão e laranja também apresentam boa quantidade de água e podem ser consumidas para ajudar a repor os líquidos perdidos.

Reponha os carboidratos

Os carboidratos são macromoléculas que configuram reservas de energia. Durante nossas corridas diárias, grande parte dos carboidratos é consumida e é necessário fazer sua reposição. Afinal de contas, precisamos seguir com as atividades do dia, não é mesmo? 

Os carboidratos estão presente principalmente em pães, massas, arroz e batata-doce. Mas lembre-se de que é importante optar por alimentos leves, com menor teor de gordura, para que você mantenha sua boa forma. Sendo assim, pães integrais, sanduíches naturais e massa com molhos leves podem ser uma boa pedida para repor a energia gasta depois dos treinos.

Reponha as proteínas

As proteínas são importantes no nosso organismo, pois elas compõem a fibra muscular. Nossos músculos trabalham muito durante as corridas e podem se desgastar nesse processo.

As proteínas estão presentes em ovos, no leite e seus derivados. Para aqueles que adotam um estilo de vida vegano, elas podem ser encontradas na soja, no feijão, na lentilha e em vegetais como o brócolis.

Procure orientação profissional

É importante estar atento ao próprio organismo e entender que cada corpo tem suas particularidades. Se você pratica exercícios de forma regular e quer manter uma alimentação realmente balanceada, procure ajuda de um profissional que possa orientá-lo.

Ele poderá indicar as quantidades certas para o seu peso, levando em conta suas limitações alimentares e a intensidade dos exercícios. Todos esses cuidados vão ajudá-lo a alcançar seus objetivos.

Essas foram algumas dicas do que comer depois de correr! Lembre-se desses alimentos, pois eles podem fazer com que seu rendimento melhore.

Assim, seu corpo vai sentir menos os efeitos negativos da atividade e ela certamente será incorporada no seu dia a dia de forma mais saudável e harmoniosa.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe essas dicas com seus amigos nas redes sociais!