A intolerância ao açúcar é um problema muito mais recorrente do que você imagina. Afinal, existem diversos tipos de açúcares presentes em alimentos comuns do dia a dia e o organismo muitas vezes pode ter dificuldade em processar alguns deles

A intolerância à lactose, por exemplo, é um tipo de intolerância ao açúcar, uma vez que a lactose é o açúcar presente no leite. Já a intolerância à glicose, é uma condição em que a insulina produzida pelo pâncreas não consegue controlar adequadamente os níveis de açúcar no sangue.

Nem sempre é fácil detectar o problema, pois seus sintomas estão, muitas vezes, presentes em outras doenças. Porém, é muito importante ter conhecimento da condição a fim de fazer uma adaptação na alimentação, evitando, assim, o desenvolvimento de outros males, como a hipoglicemia, por exemplo.

Continue a sua leitura e saiba como é a rotina de quem convive com a intolerância ao açúcar!

Como é a alimentação de uma pessoa com intolerância ao açúcar?

A alimentação de uma pessoa intolerante ao açúcar vai variar de acordo com a substância — ou substâncias — que o organismo não consegue processar.

O indivíduo intolerante à lactose, por exemplo, deve excluir da sua rotina o leite e seus derivados. Hoje em dia, a mudança já não precisa ser mais tão radical, pois existem diversos produtos livres de lactose — como os leites vegetais e os queijos veganos, por exemplo. Além disso, é possível ter uma alimentação praticamente normal com essa restrição, substituindo os produtos lácteos pelas versões zero lactose.

Já os intolerantes ao açúcar presente nas frutas (frutose), devem excluir de sua rotina todos os alimentos com adição de frutose e sacarose, como os doces, os pães, o mel e seus derivados, as carnes processadas, as frutas — exceto o limão e o abacate — e qualquer tipo de produto que contenha essas substâncias em sua composição, inclusive medicamentos. Pessoas com essa condição devem fazer a suplementação de vitaminas para não ter problemas no organismo.

Agora, se a intolerância é à glicose, a alimentação sofre ainda mais impacto. Isso porque diversas substâncias (como a sacarose, a frutose e a lactose) se transformam em glicose depois de serem processados pelas enzimas presentes em nosso organismo.

Nesse caso, é preciso retirar da alimentação todos os itens que contenham açúcar em sua fórmula. Mas, assim como ocorre com a intolerância à lactose, existem produtos voltados especialmente para pessoas com essa condição, principalmente na internet.

Para mostrar como uma pessoa intolerante ao açúcar pode se alimentar de forma praticamente normal, separamos uma deliciosa receita de bolo, não apenas sem açúcar, mas também sem lactose e sem glúten! Confira:

Bolo de banana sem açúcar, sem lactose e sem glúten

Essa é uma receita bem simples para fazer em casa, com ingredientes fáceis de serem encontrados e que, além de deliciosa, é leve e saudável.

Ingredientes:

  • 8 bananas-nanicas;

  • 3 ovos;

  • 1 colher de sopa rasa de óleo que coco;

  • 2 xícaras de farinha de quinoa;

  • 1 colher de sopa de fermento em pó.

Modo de preparo:

  1. bata no liquidificador as bananas, o óleo de coco e os ovos;

  2. transfira a mistura para uma tigela e adicione o fermento e a farinha de quinoa aos poucos, mexendo devagar para a massa ficar uniforme;

  3. se quiser, ainda pode adicionar uvas-passas ou ameixas secas para dar um sabor a mais;

  4. despeje a massa em uma assadeira untada e leve ao forno aquecido em 180 graus, por 45 minutos.

A intolerância ao açúcar é uma condição que pode causar problemas maiores se não descoberta e tratada. Entretanto, com uma alimentação adequada e com a ajuda da enorme gama de produtos criados justamente para atender a esse público, é possível ter uma vida e uma rotina perfeitamente normais.

Gostou do nosso post? Quer mais dicas? Então, leia este artigo e descubra como lidar com restrições alimentares em restaurantes!