Quando você lê em algum rótulo ou artigo que um produto é rico em fibras alimentares, você sabe realmente quais são os benefícios que elas trazem para o seu organismo? Pois bem, as fibras são a parte dos alimentos que ajudam no bom funcionamento do intestino e trazem benefícios para a saúde em geral. Por isso, o consumo em quantidades pequenas ou nulas podem trazer sérios riscos à saúde.

Para entender melhor sobre elas, é importante dividi-las em dois grupos: as solúveis, que podem ser encontradas nas frutas e legumes, são aquelas que promovem a sensação de saciedade e ajudam na perda de peso. Tem também as insolúveis, que não se misturam com a água e vão diretamente para o intestino, ajudando a regular seu funcionamento.

O consumo de fibras é essencial para manter a saúde em dia, preservar e até ajudar a tratar doenças. Quer saber mais? Continue a leitura deste artigo e comece a entender melhor os benefícios da ingestão de alimentos que contenham fibras alimentares!

Como as fibras alimentares ajudam no combate e tratamento de doenças?

As fibras não são apenas facilitadores dos processos intestinais, mas também atuam na prevenção e no tratamento de uma série de doenças, como você pode conferir a seguir:

Obesidade: trocar uma alimentação baseada em gorduras e carboidratos por uma opção com mais fibras vai, além de diminuir o valor calórico da refeição, ajudar no trato intestinal. A obesidade também está relacionada à uma alimentação com poucas fibras e com o mal funcionamento do intestino. Nesse quesito, a alimentação vegetariana é uma excelente escolha para ajudar no combate aos quilos extras, que podem ser muito prejudiciais à saúde.

Doenças cardiovasculares: estudos já comprovaram que uma alimentação rica em fibras pode ajudar a reduzir em até 40% os riscos de doenças cardiovasculares, já que a ingestão delas ajuda na redução significativa do colesterol ruim.

Câncer: o câncer ainda não tem uma causa definida. Contudo, por meio de uma boa alimentação, é possível ter resultados satisfatórios na evolução do tratamento, já que um corpo bem nutrido e livre de grande parte das toxinas tem mais força para lutar contra a doença. As fibras trabalham também na prevenção do câncer de cólon já que, ao ingeri-las, há um aumento do bolo fecal, o que regulariza seu intestino e faz com que ele funcione diariamente, eliminando toxinas e substâncias que podem ser cancerígenas. Há estudos, ainda, que ligam o consumo das fibras alimentares à prevenção de câncer de mama e de pâncreas.

Quais são os alimentos ricos em fibras?

Existe uma lista vasta de alimentos que têm uma grande quantidade de fibras em sua composição. É importante lembrar que a ingestão de fibras alimentares solúveis e insolúveis é recomendada e que ambas ajudam nos tratamentos e prevenções de doenças. 

As fibras solúveis, por exemplo, podem ser encontradas nos seguintes alimentos:

  • Aveia;
  • Soja;
  • Lentilha;
  • Mandioca;
  • Maçã;
  • Cenoura;
  • Ervilha;
  • Frutas cítricas em geral.

Já as fibras insolúveis podem ser ingeridas através de:

  • Pão integral;
  • Farelo de trigo;
  • Feijão;
  • Cascas de frutas;
  • Milho;
  • Cereais;
  • Abóbora;
  • Verduras em folha.

Também é importante lembrar que o consumo de água é essencial para que as fibras façam seu papel no seu organismo, certo? As fibras alimentares são transportadas pela água no corpo e é o líquido que ajuda ela a varrer o intestino, a aumentar o bolo fecal e a eliminar as toxinas.

Muitas vezes, as pessoas ingerem uma boa quantidade de fibras e podem reclamar que se sentem mais estufadas. Se você tem esse desconforto, aumente seu consumo de água para 2 litros, em média, por dia, e analise como se sente. Vale ressaltar que é muito importante o acompanhamento de nutricionistas para bons resultados em qualquer alteração na rotina alimentar.

Uma alimentação vegetariana bem planejada têm a quantidade de fibras alimentares e nutrientes suficientes para manter o organismo saudável. Saiba mais detalhes no Guia Completo para um Vegetariano.