Hoje é comemorado o dia internacional do livro infantil. A maior parte das pessoas aflora sua nostalgia quando entra em contato com literaturas para crianças. É muito gostoso lembrar daquela historinha lida incansavelmente durante dia que nos fazia viajar através de universos transcendentais construídos em nosso imaginário.Boas lembranças que podem ser reproduzidas por nossos pequenos que, na atualidade, vivem distantes do livros físicos por preferirem interagir unicamente com os produtos digitais. A medicina já provou que os benefícios de se ler não estão somente relacionados à agregação de conhecimento.

Uma pesquisa estadunidense publicada no Journal of Desvelopmental and Behavioral Pediatrics mostrou que a leitura contribui para o desenvolvimento dos filhos. O estudo foi realizado com 120 famílias no Montreal Children’s Hospital, no Canadá, e o resultado revelou que as crianças leitoras tinham um desenvolvimento cerebral maior.

 Dia do livro infantil: hábito da leitura desenvolve cérebro das crianças

Isso pode ser justificado levando em consideração a capacidade que os livros têm de fazer com que as crianças aprendam a se concentrar, já que se desligam das situações estressantes, uma virtude que, ao que parece, vem sendo a cada dia mais rara no círculo infantil.

Para criar esse hábito nos pequenos, especialistas recomendam que a prática comece desde o ventre. Contar historinhas para o feto diminui a ansiedade da mulher e, consequentemente, beneficia o bebê. A prática deve continuar no berço e na infância em geral até quando a criança começar a ter autonomia para fazer as suas primeiras leituras individuais.

Desenvolvendo o hábito, ela levará a prática para o resto de sua vida. Outras virtudes alcançadas pelos leitores são a comunicação, conhecimento e tolerância, fatores que  ajudam o ser humano a ter mais sucesso em diversas dimensões da vida. Que tal comemorar essa data lendo um bom livro para o sue filho? Não há nada de mais justo. Resta-nos desejar uma excelente leitura para você!

Fonte: Viva Saúde