O segredo para ter uma alimentação saudável não está somente em equilibrar a quantidade de proteínas, gorduras e carboidratos, mas também em consumir alimentos nutritivos. Com isso, você garante que vai ingerir mais vitaminas, minerais e fibras, que são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Os alimentos nutritivos são os que concentram mais nutrientes, ou seja, você não precisa comer muito dos produtos para conseguir alcançar a quantidade de nutrientes necessária. Ademais, grande parte deles é funcional, que são os alimentos que, além da função de nutrir, ainda são capazes de tratar e prevenir doenças.

Sendo assim, ter um plano alimentar baseado nesses alimentos vai assegurar que você está consumindo as medidas certas de nutrientes, atendendo às suas necessidades nutricionais — que são os valores que o organismo precisa para desempenhar suas funções da melhor maneira possível.

Portanto, se você quer ser uma pessoa mais saudável e ter mais disposição, é essencial ter uma dieta variada e saudável para atingir as recomendações nutricionais do seu corpo.

Se você tem vontade de consumir mais alimentos nutritivos, mas — ainda — não sabe quais são eles, continue lendo este post, pois listamos 5 deles e seus benefícios. Confira!

Couve

A couve é uma hortaliça de folhas verde-escuro, e é rica em minerais (ferro, magnésio, iodo, cálcio e fósforo), vitaminas (A, complexo B e C) e fibras.

Ela tem um sabor característico e pode ser consumida crua em saladas, refogada ou em sucos. Aliás, ela tem alto poder desintoxicante e é muito utilizada, combinada com outros vegetais, em sucos e dietas detox.

A couve contém boas quantidades de cálcio e ferro, sendo grande aliada no combate à osteoporose e à anemia. Contudo, como esses minerais competem pelo mesmo sítio ativo, é importante que seja consumida com uma fonte de vitamina C para o ferro ser absorvido. Se o objetivo for o cálcio, a vitamina C não é necessária.

Por conta das suas fibras, a couve ajuda a regular o intestino, sendo muito utilizada em casos de prisão de ventre. Além do que, auxilia na melhora de problemas digestivos, cálculos renais, cólicas menstruais, úlceras no estômago, artrite, bronquite e bócio.

Maçã

A maçã é uma fruta deliciosa, suculenta, prática de consumir e que está presente em diversas receitas gostosas. Existe uma grande variedade: verdes e vermelhas, desde as mais miúdas e azedas, até as maiores e bem doces.

Ela contém diversas vitaminas, como as do complexo B, E e C, e minerais, como o fósforo e o ferro, além de ter poder antioxidante — prevenindo o envelhecimento precoce e, assim, o câncer.

Além do mais, a maçã tem alta concentração de pectina, uma fibra solúvel capaz de diminuir os níveis de glicose e colesterol no sangue, prevenindo e ajudando no controle da diabetes e de doenças cardiovasculares.

Essa fibra forma uma espécie de gel no estômago dando sensação de saciedade e regulando o intestino, dessa forma, a maçã é uma grande aliada nas dietas para redução de peso.

Essa fruta pequena, porém, muito eficiente, também é capaz de auxiliar nos problemas estomacais e prevenir cáries.

Batata-doce

A batata-doce é uma raiz que pode ser encontrada durante todo o ano. Ao todo, são mais de quatrocentos tipos desse vegetal. De sabor suave e adocicado, é versátil e pode ser usada em receitas doces e salgadas.

Não é à toa que a batata-doce virou a preferida entre os adeptos do mundo fitness. Por ter grande quantidade de fibras e carboidratos complexos, tem baixo índice glicêmico. Isso significa que esse tubérculo fornece energia sem aumentar a glicose rapidamente, assegurando combustível durante toda a atividade física.

Por conter diversos nutrientes importantes — como ômega 3, ácidos graxos, potássio, zinco, magnésio, fósforo, sódio e vitaminas A, B, C, K e E —, traz vários benefícios à saúde, agindo no processo anti-inflamatório da pele e reduzindo os riscos de doenças crônicas e cardiovasculares, câncer, degeneração da retina por idade e catarata.

Alho

O alho, muito usado na cozinha como tempero no dia a dia, tem seu poder medicinal conhecido há bastante tempo. Algumas culturas já o utilizavam como remédio antes mesmo de as suas propriedades serem confirmadas.

Na sua composição podemos encontrar vitaminas B1, B6 e C, manganês, selênio, cálcio, cobre, potássio, fósforo e ferro, além do seu composto principal, que é a alicina.

A alicina, responsável pelo cheiro e sabor característicos, é um antibiótico natural. Por isso, o alho é ingrediente de chás e xaropes contra gripes, resfriados e infecções na garganta.

A seguir, trouxemos mais vantagens do consumo de alho:

  • reforça o sistema imunológico;
  • é antioxidante, combatendo o envelhecimento precoce;
  • melhora a digestão, pois estimula o sistema digestório;
  • reduz os níveis de colesterol no sangue;
  • é descongestionante, eliminando catarros e secreções das vias aéreas;
  • é desintoxicante, auxiliando o fígado no metabolismo;
  • é anticoagulante, melhorando a circulação sanguínea e prevenindo doenças cardiovasculares.

Com o cozimento o alho pode perder algumas propriedades, portanto, para ter mais dos seus benefícios, é interessante consumi-lo cru. Uma sugestão é triturá-lo e acrescentá-lo nos molhos das saladas.

Arroz integral

A diferença do arroz integral para o branco é que o primeiro não passou pelo processo de remoção da casca, preservando os seus nutrientes e potencializando os seus efeitos. Ele tem o cozimento mais lento, mas é muito saboroso, ideal para substituir o arroz branco nas refeições diárias.

A casca tem fibras importantes que agem no combate à gordura abdominal e na redução dos níveis de colesterol e de glicose no sangue, além de prevenir doenças cardiovasculares e auxiliar na redução do peso corporal.

O arroz integral contém ácidos graxos, proteínas, vitaminas do complexo B, E e K, ácido fólico, fósforo, potássio, magnésio, ferro e zinco — todos são nutrientes essenciais para o organismo.

Como vimos, ter uma alimentação saudável e equilibrada é fundamental para ter mais qualidade de vida e bem-estar. O corpo bem nutrido trabalha melhor, prevenindo doenças. Sendo assim, os alimentos nutritivos são grandes aliados nessa missão, fornecendo inúmeros benefícios à saúde e sendo fáceis de serem encontrados e consumidos.

Nosso post ajudou você? Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Então, deixe um comentário com as suas impressões!