Os cuidados com a alimentação são essências para a recuperação. Após uma operação, seja ela plástica ou não, é preciso tomar alguns cuidados e seguir algumas restrições para que não haja futuras complicações para o corpo e para a saúde.

Nos primeiros dias após a cirurgia é preciso permanecer em repouso e não abusar dos movimentos. A alimentação também merece atenção especial, pois é ela quem restituirá o organismo dos nutrientes e vitaminas necessárias para o seu progresso.

Posteriormente ao processo operatório o corpo permanece inchado e muito dolorido por certo tempo, dependendo do procedimento realizado, a recuperação pode levar meses. Para reduzir o inchaço, além de sessões de drenagem linfática e o uso de malhas para compressão, recomenda-se seguir uma dieta balanceada e sem o consumo de doces. Com uma alimentação correta, é possível reduzir as dores e a sensação incômoda.

Alguns alimentos podem colaborar para o processo de restituição pós-operatório

Primeiramente a hidratação deve ser levada a sério, é necessário beber bastante água, assim se recompensa a perda de líquidos e diminui o inchaço causado pela cirurgia. Sucos naturais de melão, melancia, e abacaxi colaboram muito para a hidratação do organismo.

O período de repouso pode fazer com que o intestino trabalhe mais devagar, por isso, é importante consumir muita fibra, para que o intestino se mantenha regulado.

Você pode se interessar por esses outros conteúdos:

Mito ou verdade: excesso de água faz mal á saúde

Mulheres se deprimem mais do que os homens: conheça os benefícios do riso para a saúde

Em busca de maior energia? Comece com uma alimentação balanceada

Entenda os malefícios da ausência de fibras na alimentação

Alimentos como Iogurte natural, abacate, cenoura, beterraba, abóbora, manga, espinafre, couve, tomate, uva, goiaba e castanha-do-pará, são muito benéficos para este período, onde cada um deles desenvolve uma diferente função. Entre elas: ajuda no equilíbrio da flora intestinal, fornece proteínas e também são de fácil digestão. Além de combater o mau colesterol e regular o intestino. São também fonte de vitaminas e retém a hemoglobina, que evita a anemia.

Alimentos que devem ser evitados…

Doces e chocolates devem ser evitados, pois podem dificultar a recuperação e não contribuem para uma digestão regular. Também são fonte de gordura e de açúcar em grande escala.

Outros alimentos que sejam ricos em gorduras saturadas e trans, como salgadinhos, pipoca de micro-ondas, bolos, tortas industrializadas, bolachas recheadas, batata frita, sal em excesso e alimentos também deve ser evitado. Além disso temos os alimentos que causam fermentação, como alguns grãos e tubérculos, como o feijão, lentilha, grão-de-bico e repolho. Esses todos podem não ser a melhor opção, pelo menos nesse primeiro momento. Claro que, alguns nem deveriam entrar da dieta, não é mesmo? 

Seguindo essas recomendações que dá, é possível ter uma recuperação pós-operatória mais saudável e com mais resultados positivos.  Aqui no blog da Superbom sua opinião e sugestão são sempre importantes, por isso, fique à vontade para comentar.

Se você quer saber mais sobre alimentação saudável, baixe agora mesmo o nosso “Guia de nutrição: viva melhor” !