O vegetarianismo está muito além do que uma simples escolha, é na verdade uma filosofia de vida. É um princípio que envolve saúde e meio ambiente.

O vegetarianismo colabora para uma saúde mais rica longe do comércio de alimentos de origem animal. Ainda reduz o desmatamento e agressões ao meio ambiente, já que o consumo de carne é um dos maiores causadores de derrubadas de florestas.

Mas será muito difícil se tornar vegetariano, ou quais são os passos que se deve seguir para alcançar uma alimentação livre de produtos animais?

Fique atento a algumas dicas e descubra que não é tão difícil quanto parece:

Estilo de vida

É essencial ter a consciência de que o vegetarianismo não é apenas uma moda passageira, se trata de um novo padrão de vida e é necessário deixar de lado alguns costumes. Como frequentar churrascarias, rodízios de carne e é preciso se desapegar do antigo paladar carnívoro.

Reponha as proteínas

É necessário repor a proteína que o organismo necessita. A soja é rica em proteína vegetal, mas a alimentação não pode ficar só a base de soja, é preciso buscar alimentos que contenham proteína, fibras e minerais também, como legumes, verduras e frutas em geral. Também é importante consultar um nutricionista para se informar dos novos padrões de alimentação a serem seguidos.

Um passo de cada vez

Vá substituindo sua alimentação e deixando aos poucos a carne, assim seu organismo não sofre com a queda de nutrientes. Retire primeiro as carnes mais pesadas, como carne de porco e carnes vermelhas. Posteriormente retire as carnes brancas, como frango e peixe.

Substitua os derivados

No caso de derivados como o leite e o queijo, existem sucos de soja que contém cálcio e é sem lactose. Além do queijo vegetal, o tofu, que é um alimento muito nutritivo.

Frutas são essenciais

Consuma frutas variadas e sucos naturais, eles ajudam na composição de vitaminas e sais minerais necessárias para o organismo.

Seguindo uma alimentação livre de produtos animais você colabora para a sua saúde e para a saúde do planeta.