Falar sobre viver bem é sempre uma questão que está diretamente relacionada à forma com que as pessoas encaram seu estilo de vida. Hoje é comemorado o Dia Mundial da Saúde e isso faz com que a Organização Mundial da Saúde (OMS) emita um alerta para os hábitos modernos que têm a destruído a vida de inúmeras pessoas ao redor do mundo. Para não deixar que essa data tão importante passe sem ser percebida, o Blog da Superbom selecionou quatro itens da nossa rotina que são extremamente prejudiciais. Pegue a sua caneta, anote e passe a mudar seus hábitos para que você consiga chegar de forma saudável à velhice.

Vício em computador – Quem fica muito tempo na frente de telas (pode ser de TVs também) pode ser afetado com a produção de melanina, isso se justifica pela luz emitida pelos monitores que afetam o sono. Esse hábito pode resultar em déficits de memória e alterações de humor. Claro que os olhos também são prejudicados por ficarem ressecados (em função da menor frequência de ‘”piscadas” que damos).

 Dia mundial da saúde: vícios modernos diminuem qualidade de vida

Ficar muito tempo em ambientes climatizados – A frescor gerado pelo ar condicionado pode trazer muitos males à saúde. A baixa qualidade do ar em locais assim faz aumentar a ocorrência de problemas respiratórios. É necessário que os aparelhos sejam devidamente limpos para que os ácaros, fungos e germes não se proliferem.

Celular – Outro “vício” que limita a rotina e o tempo de muitas pessoas. Alguns apresentam sintomas muito claros da nomofobia, que é o medo de ficar sem o aparelho, o que gera um estresse absurdo capaz de incomodar profundamente o dono do objeto.

Comidas congeladas – Esse é um problema muito grande na atualidade. O hábito de congelar comidas e depois esquentar no microondas pode fazer muito mal, já que o composto bisfenol, usado na produção desse material, é suspeito de trazer malefícios. Segundo alguns pesquisadores pode causar infertilidade, câncer de mama e danos ao fígado.

Fonte: M de Mulher