Hoje é comemorado o Dia do Planeta Terra. Falar da nossa casa é algo muito importante em momentos que o mundo parece estar vivenciando momentos de colapso. Sinais preocupantes que sinalizam um cansaço da Terra em suportar maus tratos. Mas, mesmo diante desses problemas, ainda existem lugares no planeta que conseguem dar uma qualidade de vida adequada aos seus cidadãos, promovendo boa infraestrutura, baixos índices de poluição, programas diferenciados de educação, uma renda digna aos moradores, rede de saúde com níveis elevados de atendimento, entre outros fatores.

E, por mais que seja difícil de acreditar, algumas cidades em nosso país têm essas características tão distantes da realidade da maior parte do mundo. Para que você fique por dentro desses lugares e consiga se programar para um dia morar neles, listamos as cinco primeiras que aparecem no ranking do IDH municipal divulgado pela ONU  (quanto mais próximo de 1,0, melhor). Para quem já vive nessas cidades, fica o nosso “parabéns!” e desejo de que mais municípios brasileiros possam chegar a índices tão desenvolvidos e sustentáveis. Essa é a nossa homenagem para a Terra nessa data especial.

1 – São Caetano do Sul (SP)

VISTA DE CURITIBA FOTO NANI GOIS DATA 16.03.2005

Cidade localizada no estado de São Paulo que concentra índices surpreendentes de educação, expectativa de vida e renda. Mais de 98% da população faze parte das classes média ou alta o que faz com que o IDH fechando do lugar fique em 0,891, o maior do país.

2 – Águas de São Pedro (SP)

19079fd89f5544868e8338aefa567d53

Também no interior de São Paulo, o simpático município figura na segunda colocação do ranking nacional de IDH municipal. O destaque da cidade fica por conta da educação que eleva a qualidade de vida dos seus moradores (0,847).

3 – Florianópolis (SC)

419881711_a9b962602d_b

Primeira capital a parecer na lista, a cidade catarinense é uma ilha cercada de bons indicadores e condições de vida. O destaque fica por conta da renda dos moradores bem acima da média nacional (0,847).

4 – Vitória (ES)

Baía-e-Vitória-Foto-Governo-do-Estado

Também capital e também uma ilha, a cidade concentra diversas empresas que levam dinheiro e investimentos constantes ao município. Os destaques ficam na renda média e a qualidade da educação, muito maiores do que os indicadores nacionais (0,845).

5 – Balneário Camburiú (SC)

balneario-camboriu

 Importante cartão postal de Santa Catarina, a cidade praiana oferece aos seus moradores uma estrutura que se destaca. Isso se reflete na expectativa de vida da população que beira os 80 anos (0,845).

Fonte: Exame