Ser saudável, ter mais qualidade de vida ou emagrecer são preocupações de muita gente. Em meio a tantos novos hábitos alimentares que vão surgindo cheios de promessas, está a famosa dieta detox.

Ela tem ganhado cada vez mais adeptos e promete proporcionar uma limpeza no organismo, eliminando elementos que fazem mal. Mas será que ela é tão benéfica assim? Quais são seus efeitos? Qualquer um pode segui-la?

É sobre os fatos e os mitos desse tipo de alimentação que vamos falar neste post. Confira!

1. Elimina toxinas do organismo

Fato. A dieta detox é diurética e desintoxicante. Isso quer dizer que ela contribui para eliminar o excesso de gorduras e substâncias tóxicas do organismo.

O que acontece é que estamos expostos a uma quantidade de toxinas que o corpo não consegue eliminar sozinho. Álcool, produtos industrializados e até alguns cosméticos fazem com que substâncias indesejáveis se acumulem no nosso organismo.

Como a dieta detox é à base de produtos naturais e menos industrializados, ela contribui, sim, para eliminar o excesso de toxinas. Porém, para que isso realmente aconteça, é necessário que ela seja planejada com orientação de um profissional da saúde.

2. Pode ser adotada em qualquer momento

Mito. As dietas detox, normalmente, são indicadas após períodos de excessos, como festas e comemorações em que há muita comilança.

Porém, devem durar de 2 a 15 dias, em média. Esse curto período é o suficiente para ajudar o corpo a eliminar as toxinas do excesso de álcool e açúcares, por exemplo.

Mas prolongar demais essa dieta pode afetar o bom funcionamento do organismo e prejudicar o fígado — que é, inclusive, o responsável por metabolizar as toxinas que ingerimos.

Além disso, pode gerar uma indesejável falta de energia e eliminação de massa magra. Somente os conhecidos sucos detox você pode manter no seu dia a dia em longo prazo.

3. Qualquer um pode seguir uma dieta detox

Mito. A dieta detox sempre deve ser seguida sob orientação médica. Antes de começar uma dieta restritiva, é importante saber como está o funcionamento de seu organismo. Do contrário, seu metabolismo pode ficar ainda mais desregulado.

Pessoas que já possuem alguma restrição alimentar devem seguir esse tipo de dieta apenas em circunstâncias especiais, com orientação de um profissional.

Obesos e diabéticos, por sua vez, podem prejudicar ainda mais sua condição ao adotar uma alimentação mais radical. Tudo deve ser feito com equilíbrio.

4. A dieta detox emagrece

Fato. Quando seguida com acompanhamento de um profissional, a dieta detox auxilia no emagrecimento, uma vez que contribui para equilibrar o metabolismo. Mas é importante ficar atento ao fato de o emagrecimento inicial ser devido à eliminação do excesso de líquidos do organismo.

Outro porém é que, se você segue a dieta de maneira correta durante uma semana, por exemplo, e depois volta a uma alimentação de excessos, poderá recuperar rapidamente o que perdeu.

Para que uma dieta detox contribua para o emagrecimento, é necessário manter uma alimentação saudável aliada à prática de atividades físicas.

5. A restrição de alimentos é importante

Mito. O equilíbrio é sempre a melhor opção para manter o corpo saudável. 

Por exemplo, nem toda gordura é prejudicial ao corpo, existem aquelas que inclusive são necessárias ao seu bom funcionamento. A energia que nosso corpo precisa vem de diversas fontes alimentares, o importante é diversificá-las para ter a certeza de que estamos ingerindo tudo que necessitamos.

E então, viu como é importante olhar criticamente para os modismos alimentares? O que torna um corpo saudável é uma alimentação equilibrada, aliada à prática de atividades físicas

A dieta detox tem seus prós e contras, o importante mesmo é segui-la com orientação de um profissional da saúde para que ela tenha de fato o efeito desejado.

Se gostou desse assunto, nos acompanhe no Twitter, Facebook, Instagram e YouTube. Sempre discutimos temáticas relacionadas à saúde e ao bem-estar!