Durante muito tempo, acreditou-se que as intolerâncias alimentares eram frescura. Hoje essa ideia preconceituosa caiu por terra. As pessoas estão abertas e atentas às questões alimentares, e o mercado está preparado para atender os que sofrem com intolerância: alimentos sem lactose, diet, zero açúcar e sem glúten já são comuns nas prateleiras dos supermercados.

Quando se trata de crianças, pode ser um tanto assustador o momento em que os pais descobrem uma intolerância alimentar ou alergia. Depois disso, é preciso estar ainda mais atento aos detalhes, rótulos e ingredientes na alimentação da família.

Para ajudar a abrir o apetite dos pequenos, aqui vão algumas dicas de alimentos básicos que podem estimular sua criatividade na cozinha.

1. Laticínios sem lactose

Aqueles que já lidam com os problemas de intolerância estão acostumados a procurar os produtos ideais nos supermercados. Mas se você descobriu recentemente e está começando a lidar com esse tipo de problema, é melhor prestar bastante atenção a esses detalhes.

Leite sem lactose, leite condensado sem lactose, margarinas e manteigas sem leite, farinhas sem glúten e alimentos desse tipo podem formar a base daquelas receitas que encantam as crianças. Com esses ingredientes, é possível preparar biscoitinhos, alfajores e até mesmo brigadeiros para os pequenos, sem preocupações em relação às intolerâncias alimentares.

2. Kéfir

Esse iogurte tem sido uma alternativa e tanto para as pessoas que possuem intolerância à lactose. Ele pode ser produzido à base de qualquer tipo de leite, acrescentando os grãos da levedura que vão efetuar o processo fermentativo.

A levedura do kéfir consome a lactose durante o processo, e por isso ele é bem aceito pelos intolerantes. Além de apresentar diversas propriedades terapêuticas e probióticas, ele é um alimento extremamente versátil. Pode ser preparado com diversas frutas, substituindo o iogurte tradicional das crianças com intolerância à lactose.

3. Tofu

O tofu é um queijo tipicamente oriental, cuja base proteica é a soja. Sendo assim, não contém lactose — e nem glúten. Ele pode substituir o queijo fresco dos lanches matinais e também é uma opção saborosa para diversas saladas.

Com o tofu, é possível produzir bolinhos, pizzas, tortas e outras opções deliciosas que podem compor o cardápio das crianças com intolerâncias alimentares. É um alimento seguro e saudável.

4. Pães

Você sabia que existem diversas receitas de pão que podem atender às pessoas com intolerância? Isso acontece porque nem todo pão é preparado com leite e manteiga. Sua base pode ser composta por água e a proteína vegetal do azeite, por exemplo.

Para aqueles que não podem ingerir glúten, o segredo está nos pães 100% integrais, feitos a partir das mais distintas farinhas e cereais. Farinha de arroz, de soja, polvilho, aveia e linhaça são apenas alguns dos ingredientes que podem compor os pãezinhos das crianças, que você mesmo pode preparar.

Mais do que ter atenção aos alimentos, é importante estimular a criatividade quando se trata de crianças com intolerâncias alimentares. 

A dica é que você consulte um nutricionista para tirar todas as dúvidas em relação aos alimentos que as crianças podem comer e, depois, colocar a mão na massa!

Comente neste post e compartilhe conosco seus conhecimentos e experiências sobre os alimentos sem lactose!